Início da PreparARTE

Nossa história

Em 2006 iniciamos os oferecimentos de aulas para aprendizagem de instrumentos musicais, e essas aulas eram abertas para o público em geral. Os instrumentos de iniciação eram o Violão e o Teclado.

               Quando anunciamos essas aulas gratuitas, obtivemos um número grande de inscrições; aproximadamente 60 alunos de diversas idades, porém principalmente crianças e adolescentes.

               Fizemos a matricula dos mesmos e formamos turmas de aproximadamente 10 pessoas para cada sala, observando idades e níveis de iniciação. Nem todos tinham instrumentos, então muitos permaneciam somente como aula de observação, e as vezes revezavam os instrumentos dos colegas.

               As salas que usávamos como suporte para as aulas eram salas cedidas pela Igreja Avivamento Bíblico. Local bem centralizado, e instituição da qual eu faço parte.

               Estávamos iniciando nesse ofício de dar aulas e transferir os conhecimentos que tínhamos, então tudo era novo, porém de grande aceitação, pois era um objetivo nobre e com pensamento de continuidade.

               Como Professor, eu era quem passava em todas as salas, afinando instrumentos e ensinando as primeiras notas e ritmos. Como as turmas eram montadas a partir de afinidades, logo um se despontava e eu começava a usá-lo como monitor responsável pela turma, sendo assim a turma começava a fluir mais no aprendizado.

               Fizemos aulas no primeiro semestre, tivemos um pequeno recesso, e depois novamente continuamos com nossa turma no segundo semestre. Foi então que resolvemos fazer um Recital de Música com os alunos no final do ano, onde apresentamos muitas músicas, exercícios e aprendizados que havíamos adquiridos durante o ano. Foi maravilhoso, pois juntamos os alunos como alguns dos músicos que já tínhamos na Igreja e fizemos uma Grande apresentação.   Finalizamos o ano com aproximadamente 45 alunos que tiveram suas participações assíduas.

              No próximo ano, estávamos animados, e a cidade com toda a expectativa, foi então que iniciamos o ano de 2007 com mais de 100 alunos. Porém devido não termos professores para todas as turmas, começou-se a tumultuar um pouco, pois eu precisava ir em cada turma trazer informações e ensinamentos e isso era insuficiente para a quantidade matriculada.

             Sendo assim acabamos finalizando o primeiro semestre já com poucos alunos e ainda com um pouco de desânimo. Porém não paramos as aulas, continuamos e no segundo semestre tivemos poucos alunos, aproximadamente uns 20, resultado inferior ao ano anterior devido a não preparação para a demanda. No final do ano de 2007 nem fizemos o Recital de Música pois estávamos um tanto pensativo quanto ao que havia ocorrido.

           Em 2008, resolvemos então nos preparar, ao invés de matricularmos tantos alunos e termos as deficiências que tivemos no ano anterior. Foi então que começamos a treinar somente pessoas já com possível potencial para serem professores de turmas de alunos. Outro fato interessante que ocorreu, foi a oportunidade que tive de fazer a Faculdade de Música, através do Polo de Ariquemes, 300Km de minha cidade. Fiz o Vestibular, passei em 6º lugar e ingressei na Faculdade de LICENCIATURA EM MÚSICA pela UFRGS cursando no Polo de Ariquemes. Foram 4 anos e meio de estudos e um aprendizado incrível.

          Nesse período as aulas oferecidas aos alunos foram mais selecionadas, visando a formação de Monitores, Professores e equipe voluntária para gestão de turmas maiores. Nesse período também iniciamos o ensino de música para instrumentos de sopro, através do qual iniciou-se nossa Orquestra SOM DA VIDA. Foi no meio desse período também que pensamos a possibilidade de formarmos uma Associação de Ensino de Música , e em 2010 fizemos a primeira reunião, a partir de  Músicos da Orquestra e seus amigos.

         Você vai poder acompanhar aqui a partir de cada Projeto, como tudo aconteceu e como funcionamos hoje. Visite virtualmente cada projeto da Associação PREPARARTE e será um prazer também recebê-los visitando nossos trabalhos fisicamente.

                                                                                                      Amós de Barros Eler
Fundador e Coordenador